Esqueça as ligações frias!

<div><img src=/biblioteca/originais/641_Cold_Call_esta_chegando_ao_fim.png></div>

Quer aumentar seus leads? Comece a usar o LinkedIn e esqueça as ligações frias (frias não, geladas! Brrrr)

Quem é empresário sabe a importância da prospecção de clientes para fazer prosperar o seu negócio. Em época de crise como a que estamos vivendo agora, ter um time de vendas bem treinado pode significar a própria sobrevivência do negócio.

A dinâmica é a mesma, e todo mundo conhece: um mailing bem montado, uma boa rede de contatos, estratégia de venda desenhada, e é dada a largada para o início dos telefonemas. Começa então a corrida de barreiras: “quem quer falar com ele (ela)”; “sobre o que seria”; “ela (ele) não está no momento”; “não posso falar agora”, e por fim o desanimador “me mande um e-mail, quando eu tiver tempo, eu vejo”.

Agora pense numa estratégia de vendas sem nada disso. E se fosse possível fazer prospecção de negócios de uma maneira realmente diferente, sem o temível ‘cold call’?

1. LinkedIn para negócios – prospecção e geração de leads

O LinkedIn é uma rede de contatos profissionais que cresce exponencialmente ano a ano. Começou como uma ‘rede de empregos’, mas hoje é uma verdadeira plataforma de conteúdo profissional, e sua eficiência como ferramenta de negócios é cada vez mais evidente. No Brasil, alcançou a marca de 25 milhões de usuários, e é o terceiro maior mercado, atrás apenas de Estados Unidos e Índia.

Aqui, damos 4 passos dos fundamentos de prospecção no LinkedIn.

2. Seu perfil diz quem você é

Óbvio, não é mesmo? Mas ainda assim, muita gente não dá importância ao que está lá. Não importa se você representa um dos grandes players do mercado ou uma empresa recém-inaugurada, a relação no LinkedIn começa pelo perfil do profissional, portanto, veja se as informações estão completas, se o português está impecável, capriche na foto e seja coerente com os seus objetivos.

3. Amplie sua rede de contatos

O LinkedIn é a rede de network do mundo digital, com muitos recursos para você localizar pessoas conhecidas e receber indicações de contatos. Quando fizer o seu perfil, faça o link com instituições de ensino e empresas que você frequentou. O algoritmo da plataforma fará os cruzamentos e dará sugestões de conexão com base na sua experiência.

4. Prepare-se para a prospecção

Determine seus objetivos e trace metas, este é o primeiro passo. Agora, analise a sua rede e veja se há alguém que pode ajudar a estabelecer conexões com seus públicos-alvo. Importante: lembre-se que network deve ser feito o tempo inteiro, e não só quando você precisa de alguma coisa. Se você não fala frequentemente com a pessoa, seja direto e não se chateie caso a resposta seja negativa.

5. Participe da rede

Para ser reconhecido como autoridade num assunto, você precisa da combinação ‘credibilidade + visibilidade’. Pense nos seus interesses e no que atrai o seu público e seja útil. Determine um tempo na sua agenda diária ou, pelo menos, semanal, e converse virtualmente com as pessoas.

Este é o básico para começar o trabalho de prospecção. O LinkedIn vem aperfeiçoando a cada dia as ferramentas de geração de lead, com o claro objetivo de ser a principal rede de negócios da Internet. A injeção de recursos feita pela Microsoft, que investiu $ 26 biilhões na compra do LinkedIn, mostra o seu potencial de crescimento.

Se você quer se capacitar para aproveitar tudo o que o LinkedIn tem a oferecer na busca de novos mercados, entre em contato com a DMS e entenda porque, para a gente, ‘ligação fria’ é uma estratégia gelada nos negócios.

Contato

 Av. 9 de Julho, 5229 - 1º Andar - Itaim Bibi, São Paulo - SP, 01406-200


  (11) 4810-5338


contato@dmsdigital.com.br