Dois espaços em São Paulo que toda startup deve conhecer!

<div><img src=/biblioteca/originais/1758_2.jpg></div>

Os números do empreendedorismo no Brasil são surpreendentes: quatro a cada dez adultos possuem um negócio próprio ou estão envolvidos com a criação de uma empresa. A pesquisa GEM (Global Entrepreneurship Monitor), realizada em 2015, patrocinada pelo Sebrae mostrou que a taxa de empreendedorismo no país foi de 39,3%.O maior número nos últimos 14 anos e quase o dobro do número registrado em 2002 (20,9%).

A crise econômica, as diferentes formas de estudos, o alto índice de desemprego, o perfil das novas gerações, o crescimento do universo digital. Uma série de acontecimentos e motivos fizeram com que esse número aumentasse e com que muitas pessoas vissem oportunidades no empreendedorismo, principalmente no digital.

Embora tenham muitas vantagens, empreender não é uma tarefa fácil, e é sempre bom saber que você não está sozinho, poder trocar experiências com pessoas que estão passando pelo mesmo momento que você, participar de eventos, palestras, aumentar o seu networking para fazer com que sua ideia dê certo e o seu empreendimento saia do papel.

Pensando nisso e no número alto de startups que estão surgindo, empresas como o Google e o banco Itaú – Unibanco criaram centros de coworking para incentivar esse público. Os dois espaços foram finalistas na principal premiação do empreendedorismo digital na categoria Melhor Coworking, junto com o Impact Hub Floripa.

São nesses espaços que muitos empreendedores, idealizadores e donos de startups se encontram para trocar ideias, novidades, tendências, expertises e ajudarem um na evolução do outro. Lá também pode ser uma alternativa para o “home-office”, para encontros profissionais, reuniões, eventos, reflexões, estudos e para networking.

<a href=https://www.campus.co/>Google Campus</a>

Um café para começar a sua jornada.

Uma comunidade para te mostrar o melhor caminho

Nós já sabemos que o Google é um gigante da tecnologia, e para incentivar as startups que também gostam da área, a empresa implementou o Google Campus em São Paulo, primeiro da América. As outras unidades estão em Londres, Tel-Aviv, Seul, Madri e Varsóvia.

O Campus oferece espaços de coworking, Wi-Fi gratuito, sala de jogos, local para café e muitos eventos no auditório com capacidade para mais de 100 pessoas.

Essas oportunidades são inspiradoras e motivadoras para empreendedores.

O Google Campus SP possui seis andares e três deles são ocupados pelas "startups residentes", que são incentivadas pela empresa no Programa de Residentes - projeto que selecionou cerca de dez startups em estágio inicial para trabalhar durante alguns meses dentro do campos, com sessões de mentoria e contato com investidores.

A participação no programa é gratuita, e o Google não cobra nada pela utilização do espaço por empresas, investidores, estudiosos e empreendedores. O coworking fica aberto de segunda a sexta-feira das 9h às 19h, <a href=https://www.campus.co/sao-paulo/pt/sign-up>E se você for lá pela primeira vez não deixe de acessar o site e se tornar-se um membro, ao chegar você receberá um crachá permanente.</a>

Acompanhe o calendário de eventos e palestras no Google Campus <a href=https://www.campus.co/sao-paulo/pt/sign-up>aqui.</a>

<a href=https://cubo.network/>Cubo</a>

Um ambiente inspirador, para conectar ideias e pessoas brilhantes com vontade de transformar negócios, tecnologia e a vida das pessoas para melhor.

Outra iniciativa que merece grande destaque é o Cubo, do Itaú e da Redpoint eventures para alavancar o ecossistema de startups do País. O espaço de 5 mil m² possui muitas áreas para workshops, treinamentos, um anfiteatro para 130 pessoas, espaço para café e um terraço com lounge para eventos.

A ideia também é reunir startups, investidores, mentores em um mesmo local para facilitar as conexões e o desenvolvimento de negócios em São Paulo.

O espaço já completou um ano e é um dos ecossistemas mais importantes na área. Os números são surpreendentes:

· 58 startups residentes

· Geraram mais de 650 oportunidades de trabalho

· Mais de 500 pessoas passam por lá todos os dias

· 780 eventos

· Entre 2015 e 2016 as startups residentes receberam cerca de R$42 milhões em investimentos.

O que espero é que possam surgir mais lugares como esses e cada vez mais negócios sejam feitos. As startups chegaram com tudo e muitas delas precisam de apoio e investimentos para conseguirem seguir em frente e se destacarem nessa era tecnológica que vivemos.

Até a próxima!

Denise Maia

E se você gostou deste texto, veja meus outros artigos clicando <a href=https://www.linkedin.com/in/denisemaiasoares/recent-activity/posts/>AQUI.</a>.

Conheça a DMS Digital: www.dmsdigital.com.br


Contato

 Av. 9 de Julho, 5229 - 1º Andar - Itaim Bibi, São Paulo - SP, 01406-200


  (11) 4810-5338


contato@dmsdigital.com.br